Encontro das Águas

RÍO NEGRO E RÍO SOLIMÕES

Se você gosta de admirar a beleza, a força e o mistério das águas, temos uma opção muito interessante para você visitar em breve.
 
Em Manaus, por conta da diferença de densidade, temperatura e velocidade em que correm as águas dos dois rios, o río Negro e río Solimões correm lado a lado sem que um se misture com o outro. Essa peculiaridade costuma atrair e surpreender muitos visitantes. A visita ao ponto de encontro dos rios proporciona uma experiência única de admiração da natureza.

Além de tudo isso, se você for uma pessoa cheia de sorte, possivelmente conseguirá aproveitar a oportunidade para contemplar o incrível nado de alguns botos na região. A experiência é única e completamente imperdível, você não acha?

O Encontro das Águas é o encontro do río Negro e río Solimões, que, inicialmente, não se misturam. Este fenômeno se estende por cerca de 6 km. Depois que eles se juntam, passam a receber o nome de río Amazonas, um dos principais meios econômicos e de transporte para os habitantes da cidade de Manaus.

A diferença de composição, a taxa de acidez, a temperatura de fluxo e a densidade é o que evita a mistura dos dois quando eles se encontram. O contraste de cores é muito gritante, e esse fenômeno pode ser visto até mesmo do espaço. Ás vezes, a água encontra obstáculos que formam fortes redemoinhos que agitam os dois rios e fazem formas muito bonitas.

O Caminho Brasileiro
Santiago de Compostela

Summary
Encontro das Águas  RÍO NEGRO E RÍO SOLIMÕES
Article Name
Encontro das Águas RÍO NEGRO E RÍO SOLIMÕES
Description
O Encontro das Águas é o encontro do Río Negro e o Río Solimões, que, inicialmente, não se misturam. Este fenômeno se estende por cerca de 6 km. Depois que eles se juntam, passam a receber o nome de Río Amazonas
Author
Publisher Name
Fullfloripa
Publisher Logo